segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Vinho novo, vida nova

Tema: Vinho novo, vida nova.
Texto: Gn 27:28

Introdução: Mosto é vinho novo e vinho novo deve ser deitado em odre novo, portanto quando Isaque profetizou “Que Deus te dê mosto” ele dizia: “Que Deus te transforme, meu filho”. Veja:

        I.      Toda transformação benéfica começa em Deus

a)      Ao encontrar com o Anjo, que Jacó tornou-se Israel.
b)      Ao encontrar com Cristo, Simão tornou-se Pedro.
c)      A caminho de Damasco, Saulo tornou-se Paulo.

      II.      Características da nova vida:

a)      celestial
b)      abundante
c)      Reflete na terra

    III.      A nova vida é um presente

a)      De Deus Pai – Ele é o galardoador
b)      De Cristo – Ele é a porta e o caminho
c)      Do Espírito Santo – Ele é quem convence

Conclusão: Que Deus te de mosto abundante, que da mesma forma que trouxemos a imagem do terreno, tragamos também a imagem do Celestial.

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Dias de Noé

Tema: Dias de Noé
Texto: Mt 24:37

Introdução: Cristo comparou o dia do seu retorno aos dias de Noé, portanto, vamos analisar as características dos dias de Noé:

  1. Dias em que se esperavam consolação – Gn 5:25-29

a)      O mundo espera por Paz e não há paz – I Ts 5:3
b)      Por não haver a paz esperada, o mundo cria falsa paz – Jo 14:27
c)      Para seu povo, Jesus prometeu O Consolador – Jo 14:16-17

  1. Dias de corrupção – Gn 6:10-13

a)      De toda a carne, incluindo alguns crentes – Gn 9:20-29
b)      Caracterizado por violência – Mq 7:1-7
c)      Apontando para o fim dos tempos - Mt 24:12

  1. Dias onde a profecia era desprezada – Mt 24:37-39

a)      Como nos dias de Ló – Gn 19:14
b)      Como conseqüência houve destruição - I Ts 5:3 b
c)      A maior importância era a vida social - Mt 24:37-39

Conclusão: O retorno do Senhor Jesus é breve, precisamos nos aprontar como a noiva que espera ansiosa o noivo – Mt 25:1-13

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Quem te mostrou que estavas nu? - Gn 3:11 a

Tema: “Quem te mostrou que estavas nu?”.
Texto: Gn 3:11 a

Introdução: Nascemos nus, vivemos nus e morreremos nus espiritualmente se não encontrarmos com Jesus, todavia, se encontramos com ele, isso mudará por que:

I.                    Se for o diabo que mostra sua nudez:

a)      Você se esconde de Deus como Adão. E quantos têm fugido ultimamente?
b)      Você teme a presença de Deus como Adão. Mas um dia o encontraremos.
c)      Você se esforça para ser salvo como Adão. Através da religião.

II.                  Se for o Senhor Jesus que mostra sua nudez:

a)      Você recebe do Pai uma vestimenta eterna, não perecível.
b)      Você se alegra de estar na presença do Pai com ele
c)      Você recebe pela GRAÇA a sua salvação

Conclusão: Se você e cristão e o diabo o acusa, mostre para ele sua vestimenta eterna que é um presente de Deus, se você não é e acha que não precisa, deixe Jesus mostrar sua nudez (necessidade de Deus) para vesti-lo. 

Tendo os olhos abertos corretamente para Deus

Tema: Tendo os olhos abertos corretamente para Deus
Texto: Gn 3:7

Introdução: Para quem seus olhos estão corretamente abertos: Para Deus, para o mundo? Os olhos de Adão e Eva estavam abertos, mas para quem? É o que veremos agora:

I.                    Antes da arvore do conhecimento do bem e do mal

a)      Para Deus (O reino terreno era teocrático)
b)      Antes disto não sabiam o que era nudez
c)      A arvore do conhecimento mostra como estamos e não quem somos

II.                  Depois da arvore do conhecimento do bem e do mal

a)      Para si próprios. (o reino terreno tornou-se egocêntrico)
b)      Conheceram sua nudez (defeitos provenientes da queda)
c)      Para seus esforços próprios. (Aventais de figueira)

III.                Conseqüências da arvore do conhecimento do bem e do mal

a)      Olhos abertos, mas não por Deus, e sim pelo diabo.
b)      Receberam conhecimento que os fez “inchar”
c)      Por causa deste conhecimento, perderam a habitação celestial (comunhão com Deus) – Estavam nus.

Conclusão: Aqui, Deus Pai vestiu Adão e Eva, mas permitiu que o Senhor Jesus fosse despido diante do pretório e na cruz, para vestir você hoje. Contudo, o que você tem feito com essa vestimenta? Tem abraçado, ou tem a desprezado? Lembre-se:
Só seremos revestidos do céu, se estivermos vestidos com Cristo!”.

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Os efeitos do derramamento do Espírito

Tema: Os efeitos do derramamento do Espírito
Texto: Is 32:13-18

Introdução: Deus sempre quis que o homem fosse um vaso para conte-lo. Para isso enviou o seu Espírito para preenchê-lo. Mas quais são os efeitos que podemos vivenciar com o enchimento do Espírito Santo em nossas vidas? Os efeitos são dentre outras coisas:

  1. Ausência de abandono

Jesus ao regressar para o Pai disse aos seus discípulos que não os deixaria só, antes, que enviaria o Consolador, ou seja, o Espírito da verdade, a fim de que ele esteja para sempre conosco. Por isso, Mateus, começa e termina seu evangelho com as palavras:
Deus Conosco. Aleluia!

  1. Êxodo do Deserto

Êxodo significa saída. Quando nós recebemos o Espírito Santo, nós saímos do deserto, fortalecidos, encorajados, preparados e sedentos de Deus. Quando ele vem, há uma transformação, quando não há água, a rocha faz brotar, quando há água doentia ele a transforma em potável, quando falta pão ele envia maná, quando falta carne, ele envia codornizes!

  1. Presença de Juízo.

Aqui juízo equivale a discernimento, ponderação, bom senso e equilíbrio. Nós recebemos discernimento da Palavra de Deus (seja ela uma palavra escrita – Logos, ou Revelada ou viva – Rhema, ou Profética – Profecia). Recebemos discernimento da voz do SENHOR (Voz Poderosa, que despedaça os cedros do Líbano). Recebemos equilíbrio das verdades reveladas e registradas.

  1. Justiça

É a capacidade do pecador arrependido se aproximar do Pai, pelo sacrifício substitutivo de Jesus na cruz, é onde ele se tornou a nossa justiça. É a ausência de toda e qualquer condenação; é uma vida nova, cheia de comunhão indelével, eterna com Deus.

  1. Paz

A palavra original – Shalom encerra idéia de bem-estar físico, mental e espiritual. É tudo o que Deus planejou para nós. A paz é fruto do Espírito, é característica do Reino, Jesus é conhecido como o “Príncipe da Paz” – Sar Shalom.

  1. Repouso.

Para mim, essa foi a principal característica de Noé. Quando nascido, Lameque profetizou: “Este nos consolará acerca de nossas obras e do trabalho de nossas mãos, os quais provêm da terra que o Senhor amaldiçoou”. Repouso do trabalho, das obras, e de toda maldição.

  1. Segurança

Aqui fala de estabilidade, firmeza, ausência de perigos, incertezas, solidez; há uma palavra profética para Israel: “O Senhor será exalçado, pois habita nas alturas: encheu Sião de retidão e justiça. E haverá estabilidade nos teus tempos, abundância de salvação, sabedoria, conhecimento e o temor do Senhor será o teu tesouro”.

  1. Descanso

Jesus disse que aqueles que nele cressem receberiam o descanso. A bíblia diz que os jovens se cansam, os moços de exaustos caem, mas os que confiam no Senhor sobem com asas como águias, caminham e não se fatigam, correm e não se cansam. Sobre nós há uma palavra, “ainda que nosso homem exterior (carne) se corrompa, contudo o nosso homem interior (alma, espírito) se renova dia-a-dia”.

Conclusão: São oito os efeitos do derramamento do Espírito – Ausência de abandono, êxodo do deserto, presença de juízo, justiça, paz, repouso, segurança e descanso. Você já os experimentou? Se quiser experimentá-los, receba a Cristo como teu Senhor e Salvador, e ele dará a você os “Efeitos do derramamento do Espírito Santo”.

FIDELIDADE CONJUGAL

Tema: Fidelidade Conjugal
Texto: Ml 2:14-15 (ARC)

Introdução: A natureza revela muita coisa a respeito do caráter de Deus, e nós sabemos que a águia como parte dela, revela o que Deus quer para o casamento. A águia é fiel ao seu parceiro (a) toda a vida, porque o que Deus planejou para o casal foi a Fidelidade. Veja isso na bíblia:

  1. A fidelidade conjugal gera

- Sobejar do Espírito
- Semente de piedosos.

  1. O propósito de Deus para o casamento:

- Companheirismo
- Aliança

Conclusão: O casamento é tão importante para Deus que para descrever a intima comunhão dos crentes com ele na eternidade, essa comunhão foi descrita como CASAMENTO ENTRE O CORDEIRO DE DEUS E SUA NOIVA (IGREJA).

Não conquistamos o melhor de Deus ainda

Tema: Não conquistamos o melhor de Deus ainda
Texto: Ag 1:9

Introdução: O profeta Ageu viveu e exerceu seu ministério num momento de retorno do exílio. Num momento onde as pessoas deviam reconstruir toda a sua vida. E nesse meio, ele nos aponta por que a maioria das vezes nós não rompemos, ou avançamos como aconteceu com seus contemporâneos, veja:

  1. Não rompemos devido ao egocentrismo

O “eu” no centro, o “Seja feito a minha vontade” o “eu quero” o “eu posso” o “eu acho” o “eu determino”... O povo estava correndo (cuidando) da sua própria casa (interesses) primeiro e deixando os interesses de Deus para depois. Contudo, no Reino, o interesse de Deus vem primeiro e o nosso depois.

  1. Não rompemos devido ao descuido com a obra de Deus

A casa de Deus (o templo) estava destruído. Ele era a identidade nacional do povo. O povo não estava nem aí com a aliança que tinham com Deus. Faziam à obra do SENHOR relaxadamente. O “Tanto faz” “Do jeito que vier e fizer, assim está bom”.

Conclusão: Olhamos o muito e colhemos o pouco por causa disto, talvez você, esteja visualizando o sobrenatural e o extraordinário de Deus, mas não tem o alcançado. Mas deixe o reino de Deus ser prioridade na sua vida e as demais coisas incluindo o seu melhor, Deus mesmo acrescentará.

dívidas: Uma abordagem biblica

Tema: Dívidas: Uma abordagem bíblica;
Texto-Base: Hc 2:5-6 (ARC)

Introdução: O dicionário define dívida como quantia que se deve pagar a alguém, obrigação moral contraída, por favor e ou bem recebido. A etimologia da palavra nos remete “dívida de dinheiro”. Mas ao passo que a bíblia diz que não devemos dever nada a ninguém exceto o amor com que nos amamos uns aos outros; Então qual é o equilibro bíblico para dívidas? O equilíbrio é:

  1. As dívidas caracterizam os soberbos.

- Todo soberbo é tortuoso (Acha que não precisa de ninguém)
- Todo soberbo é desleal (Nos pagamentos, nos compromissos)
- Todo soberbo é insaciável (Sempre quer mais do que o suficiente)

  1. As conseqüências das dívidas:

- Instabilidade (econômica, emocional, familiar, profissional, espiritual)
- Espólio (bens, dignidade, crédito)
- Assolação (Física, Emocional e Espiritual)

Conclusão: É claro que a divida com Deus já foi paga por Jesus no calvário. Mas nós devemos também querer pagar as que temos, e não contrair novas dívidas, pois elas só trazem instabilidade, espólio e assolação

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Avante! aqui não é nosso lugar.

Tema: Avante! Aqui não é lugar.
Texto: Mq 2:10

Introdução: A terra de Canaã (Palestina) era inicialmente um local de descanso, mas acabou não se tornando, isso porque:

  1. A corrupção era extrema; (Mq 3:11; Os 4:1-2,6-14).

a)      Pelos líderes, reis e chefes (Mq 6:16).
b)      Pelos sacerdotes ou levitas (Ez 44:5-16).
c)      Pelos profetas (Mq 2:11).

  1. Somos peregrinos e estrangeiros na terra (Sl 39:12; 119:19).

a)      Havia um decreto de cativeiro para Israel (Mq 4:10).
b)      Somos como ervas no campo (Is 40:6-8).
c)      Além disto, a terra é do SENHOR (Sl 24:1).

  1. “Resta um repouso para o povo de Deus” – Hb 4:9

a)      Um povo obediente (Hb 4:11).
b)      Um povo fiel (Hb 3:12).
c)      Um povo crente (Hb 3:19).

  1. O repouso dos crentes será:

a)      Eterno – Mt 25:46
b)      Celestial – Jo 12:26; 14:3
c)      De comunhão definitiva com Deus – I Ts 5:9-10

Conclusão: João Bunyan disse que sentia pena dos seus conhecidos, pois ajuntavam tesouros terrenos, quando na verdade deviam ajuntar tesouros celestiais. Ele considerava esta presente vida como apenas um sonho em consideração a eternidade.
Você tem tesouro nos céus? Você está preparado para o arrebatamento e para o regresso do Senhor? Avante! Aqui não é nosso lugar. Nosso lugar é junto do Senhor Jesus.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Atitudes que não podemos ter

Tema: Atitudes que não podemos ter.

 Introdução: Toda a Bíblia foi-nos dada com o principal objetivo de ensinar-nos, logo, o livro do profeta Jonas, tem também lições preciosas que vamos compartilhar aqui. E essas são algumas lições apenas. Essas lições dizem que não podemos ser:

1.       Maliciosos - Jonas 1:1-2

Malícia é Inclinação para o mal é também intenção maldosa; a malícia se caracteriza por hipocrisia (Mt 22:18), injustiça, perturbação, engano (At 13:10), gritaria, amargura e ira (Ef 4:31), palavras torpes (Cl 3:8), imundícia (Tg 1:21). A biblia nos ordena a ser crianças na malícia (I Co 14:20), a despojar-nos dela (I Pe 2:1). A malícia caracteriza uma pessoa ímpia (Pv 14:32). Quando a biblia diz que Nínive era maliciosa, está dizendo que Nínive era dentre outras coisas: Hipócrita, injusta, ímpia.

2.       Fujões – Jonas 1:2

Társis aponta um lugar de fuga aqui. Jonas se levantou para fugir de Deus e foi até Társis. Társis era muito influente na época do A.T. se impotava de lá: ouro, madeira,  ferro, estanho e chumbo (Ez 27:12). Era um importante centro comercial. Aponta para tudo que quer tomar o lugar de Deus em nossas vidas, mesmo que isso seja
“Justificável”. A biblia diz que Jonas fugiu tendo como pretexto os atributos eternos de Deus (Jn  4:2), não podemos culpar Deus pelos nossos erros!

3.      Consentir com tudo. -  Jonas 1:5,10

Os marinheiros aqui consentiram com o mau comportamento de Jonas e sofreram perdas da carga do navio (Jn 1:5 a). Toda vez que nós consentimos com algo  contrário a palavra de Deus sofremos perda. A biblia diz que os marinheiros sabiam que Jonas vinha fugindo do SENHOR (Jn 1:10). Você tem consentido com algum mau hábito em sua vida? Você tem consentido com algum pecado?

Conclusão: Os sacerdotes do Senhor foram postos para fazerem distinção entre o santo e profano (Lv 10:8-11). Você como sacerdote do SENHOR, tem feito distinção entre o santo e o profano em sua vida? Se não por que?

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

A necessidade que temos de Jesus

Tema: A necessidade que temos de Jesus.

Texto:
Aqueles que confiam na sua fazenda, e se gloriam na multidão das suas riquezas, nenhum deles de modo algum pode remir a seu irmão, ou dar a Deus o resgate dele  (pois a redenção da sua alma é caríssima, e cessará para sempre),Para que viva para sempre, e não veja corrupção, Porque ele vê que os sábios morrem; perecem igualmente tanto o louco como o brutal, e deixam a outros os seus bens. (Salmo 49: 6 - 10)

Introdução: Essa palavra se dirige a toda pessoa (Salmo 49:1), independente da posição social (Salmo 49:2), essa palavra fala de sabedoria e entendimento (Salmo 49: 3), essa palavra retrata Jesus como nossa maior necessidade; Necessitamos de Jesus, pois:

  1. Só ele pode salvar;

a)      Homem não compra salvação.

Veja o Mágico Simão, quis adquirir o dom do Espírito com dinheiro, e foi reprovado pelo apóstolo Pedro.
b)     A redenção da alma é caríssima;

Veja que apesar de essas pessoas terem dinheiro: fazenda e multidão de riquezas não puderam salvar seu irmão. A bíblia diz que seus recursos se esgotariam antes, olha que esses recursos são muitos. Somente o sangue de Jesus seria capaz de quitar a divida do pecado em relação a Deus Pai.

c)      Nós todos morremos, mas ele sempre permanece vivo para interceder por aqueles que por ele se aproximam do Pai.
Só Jesus é o Salvador, o mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo Homem. Não é Maria, Buda, Maomé, Alan Kardec, Pedro, Paulo, João ou quem quer que seja;
  1. Morremos e Somos corruptos;

a)      A morte é conseqüência imediata do pecado

a bíblia diz que o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna;

b)     Se morrermos sem Jesus, viveremos toda a eternidade sem ele.

Nosso destino final se define ainda em vida, não existe segunda chance ou segundo período probatório, onde nós teremos uma segunda chance fora de Jesus e fora da vida terrena. A bíblia diz que aos homens está ordenado morrer única vez fisicamente, vindo depois disto, o Juízo final e isso como prova do retorno de Cristo.

c)      Só nele encontramos salvação, pois somos pecadores desde o nascimento.
A bíblia diz que não há outro nome dado entre os homens a não ser o de Jesus Cristo pelo qual importa que sejamos salvos. Ele é a porta até Deus e a bíblia diz que é por essa porta que os justos entrarão.

Conclusão: Jesus declarou que sem ele não podemos nada, é nele que vivemos, nos movemos e existimos. Ele é a porta e o caminho para Deus, sem ele nada do que foi feito se fez. Você quer se entregar a Cristo agora?

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Reconquistando o favor de Deus

Tema: reconquistando o favor de Deus
Texto: Joel 2:12-19

Introdução: A maioria das vezes perdemos o favor de Deus por vários motivos; mas o que fazer para reconquistá-lo? Devemos:

  1. Arrepender-nos:
a)      Imediatamente (Agora mesmo diz o SENHOR)
b)     Visivelmente (... Jejuns, choro e pranto)
c)      Profundamente (rasgai o vosso coração)

  1. Orar:

a)      Com toda a Igreja (Congregai todo o povo)
b)     Invocando o zelo de Deus (v 18)
c)      Acreditando na resposta de Deus (v 19)

  1. Separar:

a)      Um dia de proibição (internet, TV...).
b)     Publicamente (Congregai o povo, fala de algo público)
c)      Para não ser entregue a afronta (v 19)

Conclusão: Arrependimento, oração e santidade são requisitos para reconquistar o favor de Deus.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

O domínio do Deus Altíssimo

Tema: O domínio do Altíssimo Deus
Texto: Daniel 4:17

Introdução: Que Deus tem o domínio do reino dos homens é verdade. Mas o que é o reino dos homens? O reino dos homens é:

  1. Tudo aquilo onde o homem exerce autoridade:

A)    Territorial (países, cidades, estados).
B)     Pessoal (Emoções, vontade, pensamentos).
C)    Coletivo (Empresas, escolas, instituições, famílias).

  1. Tudo o que o homem exerce influência:

A)    Nas emoções (amor, ódio, carinho).
B)     Nas escolhas (naturais e emocionais e espirituais).
C)    Na personalidade (hábitos, desejos).
Conclusão: A terra inteira é do SENHOR, fomos formados da terra, logo, somos também do SENHOR. Você até certo ponto pode exercer influência, autoridade, mas isso até onde Deus lhe permite. Suas emoções são controladas por ele, suas escolhas estão a disposição dele; Deixe-o ser seu Senhor, pois o reino dos homens (incluindo você) é dele

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Jesus é meu!

Tema: Jesus é meu!
Texto: Ct. 6:3

Introdução: Em Jesus houve um transplante bem sucedido. Aquele que é Santo foi feito pecador em nosso lugar, os que eram pecadores, nele foram feitos filhos de Deus. Esse transplante é a realidade que cântico dos cânticos expressa:

  1. Jesus é nosso;

É a doação máxima de Deus pela humanidade, é o que a igreja se tornou nele.
Seu temperamento tornou-se nosso, seu caráter se tornou o nosso, sua santidade é nossa pela fé. Tudo o que ele quer, pode, faz, tem é nosso. Por isso somos herdeiros de Deus e Co-herdeiros com Cristo (co-herdeiro fala que participamos da mesma herança).

  1. Somos dele;

Não somos do mundo, fomos presentes que ele recebeu como recompensa do seu penoso trabalho; Ele declarou “eram teus, tu me destes” e “tudo quanto o Pai tem é meu”. Você não é do pecado, pois o Filho do Homem o libertou.
 Você não é si mesmo, pois o Filho do Homem o comprou com o Seu sangue santo, Somos ovelhas do seu pastoreio. Somos povo adquirido. Somos Noiva do Cordeiro de Deus! Somos de Deus!

Conclusão: Quem é teu senhor? Quem é teu deus? O SENHOR dos exércitos, o Deus de Jacó, ou o mundo? Lembre-se “Do SENHOR é a terra e sua plenitude, o mundo e os que nele habitam. Você é criação e se cristão também filho (a) do Deus altíssimo o Deus que tudo executa segundo sua vontade! Não deixe o mundo, o pecado dominá-lo, lembre-se que “Eu sou do meu amado (Jesus) e ele é meu – Ct. 2:16

sábado, 5 de fevereiro de 2011

As chaves para permanecermos em Jesus

“Permanecendo em Jesus”
“As chaves para permanecer em Jesus”

Jo. 15:7 à Se vocês permanecerem em mim, e as minhas palavras
permanecerem em vocês, pedirão o que quiserem, e lhes será concedido.

O grande segredo para obter todas as orações respondidas é permanecer
em Jesus. Pela bíblia, temos chaves para permanecer em Jesus, essas são as chaves:

- Manter-se atento ao que ouvirmos desde o inicio; - I Jo. 2:24

O que ouvirmos desde o principio é que nos amemos uns aos outros.
– I Jo. 3:11

- Guardar os mandamentos de Deus; - I Jo. 3:24

Seu mandamento é crermos no nome de Jesus Cristo e nos amarmos
uns aos outros – I Jo. 3:23

- Confessar que Jesus é o Filho de Deus – I Jo. 4:15

Todo aquele que confessa Jesus como filho de Deus, é nascido
de Deus. – I Jo. 5:1

Quando nós permanecemos em Jesus Nazareno, nossas orações são
respondidas, pois a oração do justo é o contentamento de Deus Pai.

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Frases impactantes

Prefiro os que me criticam porque me corrigem; aos que me adulam, porque estes podem me corromper(Agostinho)


Um passo a frente e você não está mais no mesmo lugar ( Chico Science)


Você será lembrado pelos problemas que solucionou ou por aqueles que causou - (Mike murdock)


Para cada estágio de restauração, virá um nível de ataque. (Apª Valnice Milhomens)


A ocasião não faz o homem cair, mas mostra o que o homem é. - (Tomás de Kempis)


Os cristãos não são perfeitos, apenas perdoados. - (Charles Swindoll)


O Maior dom possível que Cristo deu à Igreja foi ele mesmo - (Robert H. Nichols Historiador Cristão)


Não teremos reavivamento enchendo nossas igrejas de homens, mas enchendo com Deus os que já frequentam a igreja - (D. Campbell)



Deus sussurra em nossos prazeres, fala em nossa consciência, mas grita em nossas dores: Esse é o seu mega-fone para despertar um mundo surdo (C. S. Lewis)


A oração é uma antecipação da eternidade aqui na terra, é a oportunidade de trazer o céu à terra (Minha)


Fé é crer no impossível, ver o invisível e tocar no intangível (Hernandes dias Lopes)


É a oração que faz a diferença, que salva e traz o céu para o nosso meio! orem, amigos, orem! - (Evan Roberts)


Resultados extraordinários não são alcançados por vias comuns - (Jonh Smith)


Dêem-me homens que não amem nada, senão a Deus, e que não odeiem nada senão o pecado - (Jonh Wesley)


A diferença entre o pregador carnal e o pregador espiritual é que o pregador carnal têm que dizer algo, enquanto que o espiritual têm algo a dizer (Charles Swindoll)


A maior loucura na vida de um homem é estar fora do centro da vontade de Deus. Não há lugar mais seguro, ainda que cercado de perigos, do que no centro da vontade de Deus (Ashbel Green Simonton)


Não é somente o ambiente, mas a escolha na mocidade é que determina o destino, não só aqui no mundo, mas para toda a eternidade (Orlando Boyer)

Ou você se torna uma referência, ou você se torna uma decepção! (Ap Luiz Herminio)

O homem de oração, pára de pecar e o homem pecador pára de orar (Ap Luiz Herminio)

Enquanto você for um sacrifício vivo, haverá fogo do Espírito em você (Lv 6:13 e Rm 12:1,2)

O Reavivamento que você tanto deseja começa em você, pois você carrega em si, o Deus que é FOGO CONSUMIDOR (Hb 12:28, 29)

O que pensais, passais a ser (Gandhi), isso concorda com "Assim como imagina em sua alma, assim é" de Pv 23:7a

Quem quer conquistar precisa libertar a criatividade para ser um sonhador e a coragem para ser um empreendedor (Augusto Cury - Nunca desista de seus sonhos)


O que te impede de viver a promessa não é o diabo; ele já está vencido. O que te impede de viver a promessa são seus argumentos.

Não meça o gigante pela sua força, meça o gigante pelo Seu Deus. (Pr. Marcus Gregório)



Não existe maldição sem causa. Jesus entra pela porta que você abre e o diabo entra pela brecha que você esqueceu de fechar (Pr. João Chinelato Filho)


O que segura ovelha no aprisco não é cerca, mas a qualidade do pasto (Pr. Yossef Akiva)


A leitura da bíblia te faz sábio, a fé na bíblia te faz salvo e a prática da bíblia te faz santo (Ev Billy Graham)

Encham-se do Espírito Santo

Encham-se do Espírito Santo – Efésios 5:16-21

No mundo atual é indispensável que o cristão seja cheio do Espirito Santo de Deus. E encontramos na palavra de Deus, a razão, o modo de termos uma vida cheia do Espírito Santo.Vejamos:

1. A razão de ser cheio do Espírito Santo

a) os dias do aflito são maus (Pv 15:15)
b) há um dia adverso (Ec 7:14)
c) os dias são maus (Ef 5:16b)
d) ele nos dá conhecimento de Deus (Ef 5:17)

2. O modo de ser cheio do Espírito Santo:

a) Falando com Salmos (meditando na palavra)
b) Louvando ao Senhor (Louvando a Deus)
c) Agradecendo por Tudo
d) Sujeitando-se uns aos outros no temor de Cristo (sendo humildes)

Encham-se do Espírito para que possam conhecer a vontade do Pai e permanecer inabaláveis no dia mau... Pois o Senhor é o Espírito e é do SENHOR que vem nossa vitória!


A importância do Novo Nascimento Cristão

A importância do Novo Nascimento Cristão:

Jesus disse: “É necessário que vocês nasçam de novo.” – Jo. 3:7.

O novo nascimento é uma necessidade global, real, indispensável. O novo nascimento é a exigência que Deus faz a todas as pessoas que queiram se relacionar com ele, experimentar o céu. Sem o novo nascimento não podemos sequer ver ou entrar no reino de Deus, não desfrutamos de um relacionamento real com Deus. Todo aquele que é nascido de Deus obedece a Deus, ouve a voz de Deus e a segue, o novo nascimento é para que todo aquele que crê em Jesus não pereça, mas tenha a vida eterna. O nascido de Deus crê que Jesus é o filho de Deus.  Sabe por que devemos nascer de novo?
Porque todos nascemos em pecado e o pecado é uma separação eterna de Deus.
Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna e essa vida está em seu Filho, Jesus. Sem Jesus e o Espírito Santo não há novo nascimento, ele é a porta. Todos nós deveríamos ter morrido na cruz do calvário, mas Jesus tomou nosso lugar para que nos reconciliemos com Deus.
Talvez sua vida esteja como um picolé sem a essência, sem sabor, isso é porque só Deus pode lhe conferir o significado real da sua existência. O novo nascimento é uma transferência de vida. Jesus morreu por nós, para que vivêssemos sua vida. O novo nascimento é uma mudança de comportamento, é um verdadeiro arrependimento, arrepender-se quer dizer: mudança de mente, vontade e atitudes. Você não pode continuar na mesma rotina de parecer ser feliz quando na verdade não é. Você não pode viver ignorando a presença e o convite de Deus, afinal de contas, um dia, todos nós compareceremos diante do tribunal de Cristo para recebermos de acordo com as obras praticadas por meio do corpo, quer sejam boas quer sejam más. Todos nós daremos contas de nossas vidas a Deus.
 
Você não poderá alegar falta de oportunidade ou não conhecimento, pois hoje, o Espírito Santo te diz “é necessário que vocês nasçam de novo”. Você vai negar a esse convite especial? Para nascer de novo, é simples: Entregue sua vida a Jesus, reconheça-o como Senhor e Salvador e deixe-o guiá-lo.